domingo, 21 de agosto de 2016

jura secreta


Jura Secreta

naquele mar de música
era toda meta física
pela tarde quântica

comunhão e prece
no sentido culto de estar na pele
dos teus olhos raros que o poema tece
como um rio claro onde mergulhar


 As Flores do Mal
para Uilcon Pereira - in memória

ontem desfolhei meu mal-me-quer
cheirando as Flores do Mal
de Charles Baudelaire

o mar não estava pra peixe
matou meu lírio dourado
a luz não me veio em feixe
eu estava Assombradado

Artur Gomes
foto.poesia - portalfulinaima@gmail.com
FULINAÍMA Multi Projetos

(22)99815-1266 - Whatsaap



Nenhum comentário:

Postar um comentário